EPPUR SI MUOVE
Caminhos da História da Arte em Tempo de Globalização

Coord. Vítor Serrão

Descrição

Na sequência dos ciclos de conferências ministrados pelo Prof. Vítor Serrão em 2009 e 2010, respetivamente sobre Imagens e ideias na Pintura portuguesa da Idade Moderna (séculos XVI e XVII) e Ut Pictura Theatrum: problemáticas e temas de pintura em Portugal e no mundo português durante os séculos XVI, XVII e XVIII, o 3.º curso visa discutir o papel da História da Arte num tempo de globalização. Partindo da ideia de que todas as obras de arte podem ser vistas como contemporâneas – o que as torna objetos dotados da capacidade de assumirem transcontemporaneidade –, debatem-se coisas como: qual o espaço de manobra da História da Arte nos nossos dias? qual o seu poder interventivo? qual a sua utilidade social no contexto do alargamento de saberes? quais os seus dispositivos de ação, a nível teórico e metodológico? que oportunidades trouxe o mundo globalizado? e, enfim, qual o seu destino como disciplina operativa? Recorrendo a ‘casos’ seriados na arte portuguesa e do antigo Império dos séculos XV a XVIII, analisam-se miscigenações, linguagens plurais, níveis de afeto, memória, subversão e rutura, temas de produção, estilo, técnica, conservação e restauro, e o papel dinâmico da História da Arte como campo de pesquisa, capaz de enfrentar esse complexo ‘mundo das artes’ e assumir o diálogo com os seus testemunhos viventes, as obras de arte.